Governo assina ordem de serviço para retomada de obras do Morro do Despraiado

A ordem de serviço para retomadas das obras de contenção do Morro do Despraiado foi assinada nesta segunda-feira (25.05) pela Secretaria de Estado das Cidades (Secid-MT). A partir de agora, a empresa PPO Pavimentação e Obras Ltda já está legalmente autorizada para reiniciar os trabalhos. Os valores para pagamento da construtora já estão reservados junto ao orçamento da Secretaria. 

Orçada em R$ 1.956.446,43, a obra no Morro do Despraiado foi iniciada em outubro de 2014 e já conta com 63,1% de seu total executado. Conforme o projeto, os serviços que estão sendo realizados no local compreendem a técnica de retaludamento, que consiste no corte da estrutura para evitar deslizamentos. A expectativa é de que os trabalhos sejam conclusos em cinco meses. 

Dos serviços que ainda serão desenvolvidos pela empresa está a conclusão das demolições dos imóveis existentes no local, serviços de concretagem, hidrossemeadura, de paisagismo e urbanismo. Na região, 10 famílias foram desapropriadas. As indenizações totalizaram R$ 2,8 milhões e os últimos moradores deixaram o local em abril deste ano. 

No que diz respeito às fiscalizações da obra, a Secid reforça que os trabalhos serão rígidos em relação ao cumprimento do cronograma. Além disso, os atrasos junto à obra serão objeto de notificação e multas. 

Em relação ao trânsito, a necessidade dos desvios deve ser analisada pela empresa responsável pela obra e comunicada à Secid, que solicitará as intervenções para a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana de Cuiabá (SMMU). 

Além do retaludamento no Morro do Despraiado, outras 12 obras de mobilidade urbana referentes à Copa do Mundo também serão retomadas e entregues à população ainda este ano. O processo para reinício das construções foi coordenado pela Secid, em conjunto com as Secretarias de Fazenda (Sefaz), Planejamento (Seplan) e Casa Civil.

Redes Sociais