Chapada dos Guimarães fecha visitas ao parque

Feriado prolongado no Estado e às vésperas da alta temporada, as visitas agendadas aos atrativos do Parque Nacional de Chapada dos Guimarães foram fechadas. Em comunicado datado de segunda-feira, 31, o ICMBio informou que, a partir desta terça-feira, 1º de novembro, os atrativos do Parque Nacional de Chapada dos Guimarães (65 km de Cuiabá), estão fechados para visitação.

A medida ocorre, ‘devido às restrições orçamentárias que inviabilizou a renovação de contratos‘ dos terceirizados. A informação revoltou empresários e guias, por conta do feriado prolongado, que prometem realizar um ato em frente ao Parque nesta tarde.

O acesso ao Ecobooking foi trancado a zero hora desta terça-feira. Segundo o comunicado serão mantidos e assegurados, os agendamentos já registrados. Atualmente, o Parque Nacional dispõe de apenas quatro servidores.

Outros serviços - dentre eles a segurança e limpeza - são realizados por empresas terceirizados. Quatro vigilantes de empresas terceirizadas trabalham no Parque. O fechamento do agendamento das visitas guiadas foi o ápice de uma crise que se estende desde o ano passado. Os recursos foram cortados aos poucos.

Considerado um dos pontos mais visitados por quem visita Mato Grosso, só perde para o Pantanal, o Parque Nacional foi criado em 1989 através do Decreto 97.656, de 12 de abril de 1989. Recebe 175 mil visitas ao ano sendo que 85% são para o Véu de Noiva e o restante para as visitas guiadas.

A alta temporada acontece de dezembro a fevereiro e no mês de julho. Até 2007, o Parque era gerido e fiscalizado pelo Ibama. A partir daquele ano, passou a ser administrado pelo Instituto Chico Mendes, uma autarquia criada para cuidar dos Parques Nacionais do Brasil. O instituto é ligado ao Ministério do Meio Ambiente.

As principais atrações do PNCG são as cachoeiras Véu de Noiva com 86 metros de queda, o Circuito das Cachoeiras com sete cascatas, o Morro de São Jerônimo a 836 metros de altitudes, Cidade de Pedra, Vale do Rio Claro, cachoeiras dos Enamorados e Cachoeirinha e sítios arqueológicos com pinturas rupestres. Não precisam ser agendadas visitas ao Véu de Noiva e as cachoeiras dos Enamorados e Cachoeirinha.

 

Fonte: Gazeta Digital

Redes Sociais