Tarifa Social já passa a vigorar no próximo feriado do trabalhador

O Prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro assinou o Decreto Municipal de nº 6254, dispondo sobre a criação da Tarifa Social no âmbito do transporte público coletivo de Cuiabá. O Decreto visa beneficiar a população cuiabana que em dias específicos, pagarão apenas 50% do valor atual vigente estipulado no Art. 1º do Decreto que foi baixado no 26 de  Abril de 2017.

Conforme o Decreto, a Tarifa Social será aplicada em feriados e datas comemorativas nacionais tais como; 1º de maio, feriado nacional e dia Mundial do Trabalhador. 14 de Maio, dia em que se comemora o Dia das Mães. 15 de Junho de 2017 em que é feriado nacional e se comemora o Corpus Christi. 13 de agosto, data comemorativa do Dia dos Pais, e 07 de setembro de 2017, que é feriado nacional em comemoração a independência do Brasil. O Decreto  manda ainda que se pratique a Tarifa Social nas datas de 12 de outubro de 2017, dia de Nossa Senhora Aparecida, 02 de Novembro feriado nacional em que se comemora o Dia dos Finados, e também se aplicará a Tarifa de 50% do preço vigente, na data de 25 de Dezembro, feriado nacional em comemoração ao Natal.

“A Tarifa Social foi criada para beneficiar o cidadão que quer aproveitar esses dias de folga para rever os parentes, os amigos e aproveitar os nossos pontos turísticos da Capital fomentando ainda a cultura, o esporte e o lazer. Fica implantada no âmbito do Transporte Público Coletivo Urbano de Cuiabá a Tarifa Social, cujo valor  compreenderá 50% (cinquenta por cento) da tarifa normal em vigor para esse modal de Transporte da Capital. E como um presente para o trabalhador,  a Tarifa já passa a vigorar no próximo dia 1º de maio, se estendendo por outros feriados e datas comemorativas da nossa Cuiabá”, frisou Emanuel.

Também estipula o decreto assinado pelo Prefeito Emanuel Pinheiro, que caberá o pagamento e desconto da Tarifa Social via cartão nominal, chamado também de Smart Card, usado no Transporte Coletivo. Já a Secretaria de Mobilidade  Urbana, caberá à fiscalização do benefício e todas as suas vantagens ao trabalhador Cuiabano.

 

Fonte: Da Redação

Redes Sociais