Cadastro biométrico termina no próximo 30 em Cuiabá e VG

A Revisão do eleitorado com coleta de dados biométricos em Cuiabá e Várzea Grande termina dia 30 deste mês e até esta terça-feira (06/03) pouco mais de 50% do eleitorado desses municípios fizeram o cadastramento biométrico. O eleitor que ainda não atendeu à convocação deve procurar um posto de atendimento e evitar o cancelamento do título.

Em Cuiabá, nas últimas semanas, a média diária de atendimento está em quase 3 mil eleitores. Já em Várzea Grande, o número de eleitores atendidos diariamente não ultrapassa os 900. Esse quantitativo é considerado baixo pela Justiça Eleitoral, que abriu diversos postos de avançados de atendimento nas duas cidades e agora aguarda a adesão dos eleitores.

"A Justiça Eleitoral tem divulgado maciçamente a revisão do eleitorado junto à sociedade e convocado os eleitores a participarem da biometria. Além disso, já firmamos várias parcerias que permitiram a instalação de postos de atendimento em locais estratégicos e em breve, outros postos de atendimento serão inaugurados. A Justiça Eleitoral está fazendo a sua parte. No entanto, para que a revisão com coleta de dados biométricos seja um sucesso, os eleitores precisam participar. O eleitor que não participar terá o título cancelado", explica o corregedor regional eleitoral, desembargador Pedro Sakamoto.

O corregedor faz um alerta aos eleitores dos municípios em revisão. "Todos os eleitores de Cuiabá, Várzea Grande e também Sinop são obrigados a fazer o cadastramento biométrico. Não temos outra escolha a não ser cancelar os títulos de todos que não comparecerem até o dia 30 de março. A inscrição eleitoral cancelada gera alguns transtornos ao cidadão. Faço um alerta ao cidadão para que evite essa situação e que procure a central de atendimento ao eleitor ou o posto eleitoral. Essa procura tem que ser agora, e não amanhã, pra que não haja filas extensas".

Panorama:

Dos 425.386 eleitores inscritos na capital mato-grossense, 228.172 (53,64%) se cadastraram biometricamente. No caso de Várzea Grande, dos 184.920 eleitores, 102.036 estão cadastrados.

Locais de Atendimento e horário

Cuiabá

Casa da Democracia – prédio anexo ao TRE – situado na Avenida Rubens de Mendonça). Esta unidade funciona das 8h às 18h, de segunda a sexta-feira, sem intervalo para o almoço.

Posto de atendimento no Goiabeiras Shopping, localizado no 2º Subsolo, o qual funciona das 10h às 19h, de segunda a sexta feira, sem intervalo para o almoço.

No shopping 3 Américas, o posto eleitoral está instalado no 2º piso, em frente à Academia Fórmula. O atendimento vai das 10h às 19h, de segunda a sexta-feira, sem intervalo para o almoço.

Ganha Tempo do bairro CPA 1, que funciona das 8h às 18h, de segunda a sexta-feira, sem intervalo para o almoço.

Na Assembleia Legislativa de Mato Grosso, no espaço Teatro Zulmira Canavarros, o posto de atendimento ao eleitor funciona de segunda a sexta-feira das 8h às 17h, sem intervalo para o almoço.

No Fórum de Cuiabá – ao lado da Central de Conciliação, das 08h às 17h, de segunda a sexta-feira, sem intervalo para o almoço.

Várzea Grande

Central de Atendimento ao Eleitor, situada na Avenida Castelo Branco, n. 47, Centro. O espaço está aberto ao cidadão das 8h às 18h, de segunda a sexta-feira, sem intervalo para o almoço.

Central de Atendimento ao Eleitor, instalada na Avenida Gonçalo Botelho de Campos, n, 2367, bairro: Cristo Rei. Esta unidade funciona das 8h às 18h, de segunda a sexta-feira, sem intervalo para o almoço.

2ª Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar, situado na Avenida Castelo Branco, n. 1600, bairro: Água Lima. O posto funciona das 13h às 18h, de segunda a sexta-feira.

Câmara Municipal de Várzea Grande, situada na Avenida Castelo Branco. O posto funciona das 8h às 18h, de segunda a sexta-feira, sem intervalo para o almoço.

Documentos

Para fazer a revisão, o cidadão deve apresentar, obrigatoriamente, um documento oficial de identidade (RG, CNH, Carteira de Trabalho, Carteira Profissional, dentre outros definidos em lei) e comprovante de residência (conta de luz, água, telefone, boleto de IPTU, contrato de aluguel, dentre outros definidos pelo Juiz Eleitoral). Os comprovantes devem estar em nome do requerente, de seu cônjuge ou companheiro (a) ou de parente seu em linha reta consanguínea, até o 2º grau (pais, filhos, avós, netos), ou por afinidade, limitando-se, neste último caso, aos ascendentes do cônjuge ou companheiro (sogro e sogra);

No caso de homens com mais de 18 anos que irão requerer a primeira via do título (alistamento) é necessário também apresentar o comprovante de quitação com o serviço militar.

 

Fonte: Site Folhamax

Redes Sociais